Let the sky fall…

Let the sky fall…

Há algum tempo que Daniel Craig é Bond. James Bond. E até acho que encaixa bem no papel.
Não sou fanática pela saga, e não costumo gostar de filmes de acção, mas gosto de estar dentro do assunto e queria ver este filme. Esteve bem :)

A destacar:


– O 007 para a idade… sim senhor!
– Um vilão gay, vai virar moda, vocês vão ver. O Javier Bardem ficou irreconhecível. Eu ainda duvidei…
– Parece (disseram-me no fim do filme) que o novo M. era o Lord Voldemort. Quer dizer, o actor Ralph Finnies deu corpo e “cara” àquele-cujo-nome-não-deve-ser-pronunciado. Ainda bem que tenho amigos muito atentos e que repararam logo, assim de chapa, que o actor é o mesmo. Mesmo que o quem-nós-sabemos não tenha, propriamente, “cara”.
– A música, a interpretação da Adele, está muito boa e assenta perfeitamente no filme.

Deixe uma resposta