Antes dos 30

Se este ano toda a gente me fala do ano que vem… Então nem quero pensar quando de facto chegar o dia dos tais 30.

Fazer 29 é aquela idade tipo…sei lá. (Ainda se pode dizer “tipo”?) Não acontece nada. É mais ou menos o mesmo que fazer 17 quando tudo o que queres é ter 18. A diferença é que agora não tenho pressa de fazer 30. :)

Quando és criança… tudo bem cada ano é um marco, uma novidade. Parece que há idades para tudo. Depois na adolescência, a época de ouro, já podes ir ao cinema ou a praia sozinha, tens mesada, podes sair à noite, essas coisas! Os anos passam e acontece sempre alguma coisa. Na altura podes nem dar conta, mas agora sabes.

Mas, convenhamos, há idades parvas que não servem para te acrescentar grande coisa. Os 19 são assim. Tas ali quase nos 20 mas como já tens mais de 18 já podes fazer uma data de coisas (teoricamente). Depois há idades que são exatamente iguais às anteriores ou seguintes. Ter 26 ou 27 é igual ao litro. Agora, sejamos sinceros os 29 só existem para que as pessoas sejam um bocado chatas por ignorarem a tua idade este ano e te dizerem que para o ano é que é.

Eu cá não me teria importado nada de ficar retida nos 25. Há uma série de coisas que falhei nesta lista. Mas há outras que se concretizaram. Já fiz o desejado interrail e tirei a foto parva com a torre Pisa. O que prova que não há idades para se realizar vontades. Há tempo para tudo. Então decidi deixar de fazer listas.

Uma coisa é certa. Eu tinha razão quanto aos brócolos. Não comi as árvores miniatura com cinco anos nem aos vinte cinco e continuo sem perspectivas para que isso vá acontecer. Vamos deixar como está.

1 Comente

  • Susana Miranda
    12 Julho, 2016 10:38

    Goza os 29! São uma idade especial. Cria um marco para que não passem despercebidos 😉 É assim que se faz a vida ser sempre especial!

Deixe uma resposta