Luso Fruta Power On

Luso Fruta Power On

Mais uma edição do Luso Fruta Power On. O evento que junta exercício físico, com nutrição e bem estar.

Uma voltinha pelo recinto permitiu-me ver as novidades a nível de roupinha gira para treinar. Uma pessoa tem que estar impecável. Na altura que comecei a fazer exercício (leia-se a ir ao ginásio fingir que me esforço na elíptica) achava que qualquer roupinha que tivesse cá por casa se adaptava bem para levar. Mas não. Desengane-se quem pensa que uma t-shirt velha serve para ir correr para o paredão. Não serve. É verdade, isto é meio conversa de gaja, mas até os homens gostam de comprar uns ténis novos que eu bem sei. Quando temos roupinha nova até fazemos questão de ir ao ginásio. Uma legging toda fashion ou um novo top super da moda com aquela frase motivadora tipo “No pain, no gain.” É assim, cada um agarre-se ao que pode!

No evento de Março fui assistir ao workshop de alimentação saudável da doutora Iara Rodrigues e fui treinar nas aulas patrocinadas pelo holmes place. Desta vez optei por ir assistir ao workshop do Pedro Almeida, do Treino em Casa que falou sobre técnicas de corrida: questões relacionadas com a posição do pé e dos joelhos com a respiração. Falou-nos da importância de cumprir um plano de treino para alcançar objectivos, não é assim, começar a correr à maluca como eu fiz, num belo dia. Fizemos depois, uns exercício de…quatro minutos, que me deixaram de rastos. Agachamentos com rotação à direita e à esquerda. E depois com rotação a 180 graus. E mais, agachamento levantando um dos calcanhares. E pior, agachamento e salto. Parece fácil. Coisas inofensivas! Mas é mentira. Custam sim senhora! Mas vá, são importantes para fortalecer as pernas e joelhos para a corrida e assim evitar lesões. Eu pessoalmente devia fazê-los para ganhar músculo e não voltar a ter dores quando corro.

Fui também assistir ao workshop da Eunice Moura que escreveu o livro “Barriga lisa”. Mas ela não deu a fórmula secreta para ficar “sem barriga”. (Existe, eu tenho a certeza. Não pode ser só a comer alfaces e fazer abdominais. Tem de haver outra maneira.) A Eunice explicou que é possível reduzir a nossa cintura com uma melhor postura e respiração. Fiquei a conhecer o método de treino Low Pressure Fitness que com um carácter preventivo consiste na diminuição das pressões intra-abdominais.

Ainda deu tempo de fazer um teste ao meu cabelo, que está óptimo e ainda provei açaí que dizem que é bom como complemento alimentar para quem gosta de desporto. Até então só tinha ouvido falar disso nas novelas brasileiras quando eles pedem “um suco de açaí”. Isso ou uma água de coco!

2016-10-29-15-58-28

2016-10-29-15-58-40

2016-10-29-17-07-28

1 Comente

  • Saltos de Cristal
    31 Outubro, 2016 22:23

    Foi mesmo um evento fantástico! Na próxima edição irei marcar presença :)

Deixe uma resposta