Museu da Carris e Village Underground

Museu da Carris e Village Underground

Lisboa está moderna e cool. Está jovem e mais cultural. Há uma capacidade de reinventar. Nas ruas mistura-se a tradição dos prédios com azulejos azuis com as pedras da calçada a preto e a branco. Juntam-se os carros de uma cidade atarefada com os carris no chão para deixar passar o elétrico. Alguns deles já são novos e compridos. Mas ainda deixam passar o 28, velhinho amigo da gente da terra.

Nas ruas enquanto umas pessoas passeiam e passam tempo distraídas, outras estão na sua vida, igual todos os dias, indiferentes a quem passa. Esta é Lisboa. Que junta a gente da casa com os turistas que a observam. Lisboa não é só para visitar. Vive cá gente.

img_0440

À saida do Lx Factory, depois de passar a roupa destes senhores e virando à esquerda, vamos encontrar o Museu da Carris. Os autocarros e os elétricos tão conhecidos na cidade, que levam gente de um lado para o outro. Se há transporte que anda sempre cheio é este. Cheio de histórias lá dentro e de pessoas que as contam ali mesmo à boca cheia e muito alto. E andam sempre cheios de pessoas que ouvem estas histórias, porque mesmo que não queiram elas interrompem-lhes os silêncios da viagem.

img_0345

img_0351

img_0416

img_0421

img_0423

img_0424

img_0426

img_0360

Só o museu por fora, não entrei. E lá ao fundo o Village Underground apresenta-se. Uma estrutura feita de contentores marítimos e autocarros desativados da Carris ocupados por profissionais que lá montam os seus escritórios. Uma plataforma para a cultura igual às que existem em Londres, há já algum tempo. Um espaço de coworking e eventos culturais.

img_0410

img_0364

img_0361

img_0403

img_0393

img_0375

img_0402

img_0365

img_0363

Quando o tempo está bom há até mesmo um cafézinho para se “esplanadar” um bocadinho. Lisboa é linda já diz o pregão popular. É tradicional por ser uma cidade que não se permite perder o que tem de melhor, a sua história. E é moderna porque deixa entrar tudo o que é novo sem medos. E um poço de cultura da antiga e da que está para vir. Lisboa sempre.

img_0431
Village Underground – Museu da Carris, estação de Santo Amaro rua 1º de Maio 103

 

2 Comentários

  • Green
    12 Janeiro, 2017 22:59

    Um sítio diferente e bem giro :)

  • Bruna Bila
    17 Janeiro, 2017 22:32

    Lisboa <3

Deixe uma resposta