This is us

This is us

Esta série é uma lufada de ar fresco. Numa altura em que estamos cansados de séries complexas e com voltas que não param nunca mais, chega esta série e toma-nos o coração. Fazia muita falta uma série assim, simples em que só precisamos de nos sentar, descansar e apreciar.

“This is us” não é sobre médicos nem advogados. Não é sobre jornalistas nem detetives. Não tem vampiros nem zombies. Não há magia nem feitiços. Esta série é sobre nós e as nossas vidas comuns. É que não tem nada que saber. É uma história de uma família. Normal como a nossa. Cada um com a sua personalidade, cada um com a sua vidinha. Com as suas angústias e problemas. Com as suas vitórias e alegrias. Várias histórias numa só. Tão fácil e real que chegamos a identificar-nos.

É um produto muito bem feito porque é simples, básico e muito inteligente. Uma série que não considero humorística mas também não considero um drama. É as duas coisas. Joga com sentimentos, com aspectos do dia-a-dia e com coisas que qualquer um de nós podia fazer. E por isso é que é tão boa.

As personagens estão bem construídas e o enredo muito bem escrito, o que provoca em nós várias emoções. É tão verdadeira, que naqueles quarenta minutos temos vontade de chorar e de rir. Num só episódio adoramos e odiamos a mesma personagem. E isto é tudo o que queremos numa série, ter emoções. A história não é contada de forma linear, é contada aos bocados, com aspectos do presente e do passado. E depois tem uma coisa fundamental na minha opinião, cada episódio tem uma surpresa. Quando achamos que estamos a adivinhar o que está a acontecer. Não estamos. Há sempre um pormenor que nos escapou. Há sempre um detalhe em cada episódio e é isso que cativa.

1 Comente

  • Melhor Amiga
    31 Março, 2017 14:32

    Tenho que ver….

Deixe uma resposta