Marmitas: 5 ideias de almoço para levar

Marmitas: 5 ideias de almoço para levar

Cá em casa somos fãs, e dependentes, de marmitas. Todos os fins-de-semana reservamos um bocadinho do nosso tempo para preparar as refeições da semana. Ontem foi um desses dias.

Cá em casa gostamos de cozinhar (gostamos?!). Quer dizer, gostamos mas não todos os dias. Para dizer a verdade torna-se difícil preparar alguma coisa quando nos esquecemos frequentemente de deixar a carne ou o peixe a descongelar. E isso é recorrente nesta casa. Simplesmente lembramo-nos disso quando temos fome e já não vamos a tempo. Admiro imenso aquelas pessoas que conseguem pensar de manhã naquilo que vão jantar e já deixar isso a descongelar para logo. Como é que fazem?

Os dias da semana são demasiado stressantes, desculpem lá! Por isso a técnica que usamos é delinear ao fim-de-semana as refeições para durante a semana. Mas há um problema. Pois claro. Não gostamos de comer todos os dias a mesma coisa. Portanto escolhemos duas ou três receitas e fazemos para ir alternando nas refeições do dia-a-dia e quando necessário congelamos. Mas também não pretendemos passar o fim-de-semana todo nisto. Portanto normalmente temos dois truques: O primeiro é fazer sempre sopa para comer à noite quando chegamos. O segundo é tentarmos usar ingredientes parecidos ou que possam ser incluídos em várias receitas de modo a substituir, por exemplo, só a base. Imaginem o camarão. Pegando nesse ingrediente dá para fazer um pouco com esparguete (podem ver aqui) outro bocado com courgette ou com noodles ou ainda incluir numa salada ou fazer um caril, percebem a ideia?

Não é preciso grande organização para fazer isto. Senão eu não fazia. Acredito é que isto me ajuda bastante a simplificar o resto da semana. Quando planeamos o que vamos comer andamos menos cansados, poupamos dinheiro porque não comemos fora e sabemos o que está dentro das nossas marmitas. É, talvez, por estas razões que cada vez mais pessoas pertencem ao gang da marmita. No trabalho, já há mais fila no microondas do que no refeitório! Decidi partilhar, então, cinco ideias, de receitas que tenho feito nos últimos fins-de-semana, de almoço para levar:

Pato desfiado com lentilhas

marmita de pato com lentilhas

Ingredientes:

  • Duas chávenas de lentilhas verdes
  • Pato desfiado (eu faço batota e para poupar tempo uso o pré feito do continente)
  • 1 alho francês

Preparação:

Primeiro lavar as lentilhas. Deixá-las cozer durante 20 minutos. Refogar o alho francês em azeite. Juntar o preparado de pato desfiado e deixar cozinhar uns minutos. Juntar as lentilhas. E pronto está feito. Fiz este prato uma vez e fiquei super fã da rapidez com que se faz e do sabor que tem.

Caril de camarão com arroz basmati

marmita de caril de camarão

Ingredientes:

  • Duas chávenas de arroz basmati
  • 1 cebola pequena
  • 700g de camarão cozido
  • Caril
  • Leite de coco
  • Malagueta
  • Pimenta e noz moscada

Preparação:

Refogar a cebola com azeite e juntar a malagueta partida em pedaços o mais pequenos possível e uma colher de chá de caril. Só meti esta medida porque na verdade detesto o do cheiro do caril e quanto mais metesse mais intenso ficava. De seguida envolver o camarão. Acrescentar o leite de coco e deixar cozinhar por dez minutos. No final adicionar pimenta e noz moscada. Colocar o preparado em cima do arroz basmati, já distribuído pelas marmitas, para que este possa ganhar o sabor.

Não sabia se ia gostar desta receita, para dizer a verdade. O cheiro do caril é demasiado intenso e não aprecio coco. Mas tinha provado caril de camarão num restaurante e para grande surpresa gostei. Portanto decidi arriscar fazer eu mesma. Não sou de grandes aventuras na cozinha, pelo contrário sou muito estranha e esquisita. Acabei por gostar do prato, sim mas achei um pouco picante. Para a próxima já sei que tenho que reduzir na malagueta, atenção a isso, para quem não gosta.

Bacalhau com grão e tomate

marmita de bacalhau com grão

Ingredientes:

  • 3 postas de bacalhau
  • 1 embalagem de grão cozido
  • 1 cebola pequena
  • Polpa de tomate
  • Tomate em pedaços
  • Noz moscada

Preparação:

Cozer o bacalhau e desfia-lo ainda quente. Juntar os pedaços ao refogado de cebola. De seguida juntar o grão e os pedaços de tomate previamente cortados. No final juntar a polpa de tomate e a noz moscada. Fácil e rápido, é das minhas marmitas preferidas de sempre.

Courgette com camarão e nozes
Marmita de courgette com camarão

Ingredientes:

  • 1 courgette
  • 700 g de camarão cozido
  • duas mãos cheias de nozes
  • 5 dentes de alho
  • alho em pó

Preparação:

Esmagar os alhos e juntar ao azeite numa wok. De seguida juntar as nozes para que possam alourar. Adicionar o camarão e polvilhar com alho em pó, para ganhar sabor. Espiralizar a courgette e cozer durante três minutos. Não gosto de cozer demasiado. Juntar ao preparado do camarão e pimba já está!

Noodles com frango

marmitas de noodle com frango

Ingredientes:

  • 1 embalagem de noodles
  • 4 bifes de frango
  • cogumelos frescos ou de frasco
  • 1 alho francês

Preparação:

Partir os bifes em quadradinhos, temperar com limão e cozinhá-los conforme mais gostarem. Eu prefiro grelhar. Cozer os noodles até ficarem al dente ou seja durante poucos minutos. Cozinhar os cogumelos da forma que mais gostarem. Eu gosto de temperar com bastante alho. Juntar os três ingredientes num refogado de alho francês. (No dia em que fiz estes noddles, fiz também a receita acima, do camarão com courgete. Em algumas marmitas resolvi misturar um bocadinho dos dois e ficámos com uma terceira versão.)

Então, que tal?

1 Comente

  • Green
    22 Janeiro, 2018 12:01

    Muito boas sugestões, sem dúvida. Eu tenho a vantagem de conseguir almoçar em casa então não necessito de preparar marmitas, mas sem dúvida que dá imenso jeito 🙂

Deixe uma resposta