Tag 4 | Sunshine blogger award

Tag 4 | Sunshine blogger award

De vez em quando gosto de responder a Tags. Acho que são uma bela forma de revelar algumas coisas, de forma aleatória, sobre mim. O Sunshine Blogger Award é uma tag e é uma forma direta de expor a minha opinião sobre determinados assuntos.

O desafio Sunshine Blogger Award foi me proposto pela Margarida Pestana e portanto é às perguntas dela que vou responder. Gosto muito dela. Conheci-a no Bloggers Camp, do ano passado, e depois disso nunca parámos de rir juntas. A Margaria tem um aura fresca, positiva e dedicada. Pega na máquina fotográfica como ninguém e por isso foi ela que fotografou o Blogging For a Cause e vai fotografar a quarta edição do Bloggers Camp, já no próximo fim-de-semana. Obrigada Margarida, pela energia e pela nomeação para este desafio que gostei especialmente por ter perguntas relacionadas com os blogs e sobre coisas que quase nunca falo e acho que faz falta.

Regras do Sunshine Blogger Award

  • Agradecer à pessoa que te nomeou
  • Responder às 11 perguntas
  • Nomear 11 bloggers e fazer as nossas próprias 11 perguntas para eles
  • colocar as regras e o logotipo no post

As 11 perguntas que a Margarida fez e as minhas respostas:

O que é que consideras importante num blog para que o sigas?

A escrita de quem o faz. Quero sentir verdade e vontade do outro lado. Que tenha um bom visual. Que seja leve, fresco, cuidado e “limpo”. Procuro motivação e inspiração. Procuro textos bonitos, mas também que com humor. A maior parte dos blogs que sigo são genéricos, falam de tudo um pouco de forma descontraída. Mas também “consumo” blogs de alimentação, viagens ou self-love.

Achas que existe competição na blogoesfera? O que achas disso?

Eu acho que a competição, neste mundo, deriva um pouco do sentimento de inveja do sucesso dos outros. E isso é assustador. Eu acho que sim, existe, mas nunca a senti nem a entendo sequer. Não compreendo como é que dois blogs podem ser concorrentes. A internet é grande e há espaço para todos fazerem o seu trabalho e há liberdade para cada um ler aquilo com que mais se identifica.

O que achas que podia melhorar a imagem que a sociedade tem dos blogs?

Eu às vezes acho que os blogs têm na sociedade de hoje o mesmo impacto que as revistas cor de rosa. E isso é triste. Algumas pessoas acham que os bloggers são aqueles que “recebem coisas de borla” e desvalorizam depois o trabalho atrás disso. Há quem queira apenas divertir-se com o blog ou fazer algo para chegar às pessoas através da escrita…não se deve generalizar. Temos de mostrar que os blogs têm influência em muitos campos da sociedade. Que as pessoas que estão por trás deles são informadas e trabalham com consciência. A voz que temos enquanto bloggers tem que ser usada de forma, cada vez, mais responsável.

Como seria o teu mundo ideal?

Para o meu mundo ser ideal eu criaria a minha própria empresa e fazia aquilo que mais gostava. Conhecia o mundo de autocaravana, escrevia, viajava e fotografava. Para a sociedade ser ideal não havia corrupção e falta de ética. Havia justiça e menos luta pelo poder.

Indica três palavras que te definam enquanto pessoa.

Autêntica, divertida e faladora.

Indica três palavras que representem o teu blog.

Humor, verdade, reflexão.

Onde te vês daqui a 5 anos?

Vejo-me com o meu próprio negócio, a trabalhar numa coisa que me preencha e me permita crescer e desenvolver a minha criatividade. Ainda não descobri exatamente o que será, mas ainda tenho cinco anos!

O que precisas para ser feliz?

Preciso de viajar muito. Sou sempre muito feliz quando olho à minha volta e vejo coisas diferentes. Preciso de aventuras e preciso sempre de coisas novas. Mas também preciso de acalmar. Às vezes também sou feliz no meu conforto. É nesta contradição que eu sou feliz.

O que sentes que falta na blogoesfera portuguesa?

Faz falta à blogoesfera sair da blogoesfera. Faz falta que os assuntos que debatemos aqui, através do ecrã, saltarem cá para fora. Faz falta o debate cara a cara, conferências, workshops, pessoas à volta da mesa. Faz falta os nossos temas darem o salto. Como fizemos com o Blogging for a cause, por exemplo.

Como vês a blogoesfera daqui a dez anos?

A blogoesfera será cada vez mais profissional. Não gostaria que se perdesse o intuito com que visitamos os blogs que é o de aprender e de nos distrairmos um bocadinho. Tenho medo que o caminho perca autenticidade e algum valor ou que os blogs percam para outras formas de comunicação. A escrita é tão importante que gostaria que aparecessem novas formas de ela ser mais valorizada.

Diz-me uma coisa que mais gostes no teu trabalho enquanto blogger.

O que eu mais gosto é de interagir. É criar, partilhar e colaborar em coisas que eu acredito e me motivam. O meu blog motiva-me muito. Ajuda-me a pensar, a refletir. A comunicar!

As minhas 11 perguntas:

Optei, na grande maioria, por perguntas relacionadas com os blogs Já que o título é Blogger Award. Vamos!

1.Consideras as redes sociais um lugar de desfiles e invejas ou uma forma de potenciar o debate e interação?

2. Qual é o lado mais bonito dos blogs? E um lado negro, há?

3. Qual é o motor que faz com que continues a ser blogger?

4. Porque achas que as pessoas gostam do teu blog? (Ou porque é que deviam!?)

5.Acreditas que os blogs ainda têm por onde seguir ou estão massacrados de informação semelhante?

6. Quais são os valores pelos quais te guias para escrever?

7. Acreditas em bloqueios criativos? Ou consideras que podemos escrever sempre que queremos?

8. Qual é o teu truque para a inspiração?

9. Onde encontras a motivação necessária para o dia-a-dia?

10. Quais são os blogs que me recomendas ler?

11. Indica-me um livro que eu devia ler.

Os meus 11 nomeados para responder:

Jiji

Another lovely blog

A neta da Dulce

Viver a viajar

Rititi decidiu escrever

Kéké

Deixa ser

Leila Gato

Lucie Lu

Bobby Pins

Rita da Nova

Quem achar que falar um bocadinho sobre blogs é necessário, pode responder à vontade. Divirtam-se a responder a este Sunshine Blogger Award.

6 Comentários

  • Green
    29 Maio, 2018 11:59

    Gostei das tuas respostas, é sempre bom conhecermos melhor quem está do outro lado 🙂

    • Andreia Moita
      1 Junho, 2018 11:44

      Estas tags são óptimas para revelar um bocadinho mais do que pensamos, sobretudo sobre temas dos quais não falamos tanto. Beijinhos

  • Rita Santos
    30 Maio, 2018 11:05

    Desde já muito obrigada pela nomeação – já estão prontas as respostas às tuas perguntas! E uma coisa (vá, temos muitas ahahaha) que temos em comum é realmente o receio de que a Blogosfera fique demasiado profissional. Ainda há quem queira ler cantinhos como os nossos sem um fio condutor de temas, não é? Ou pelo menos eu quero! Ainda que isso não signifique que não possam ser profissionais. É necessário é manter a linha do percurso inicial porque foi dessa maneira que os seus leitores foram conquistados. Vamos lá ver o que o futuro nos reserva! Beijinhos e obrigada novamente!1

    • Andreia Moita
      1 Junho, 2018 11:43

      Concordo. Os nossos blogs podem ser profissionais mas continuarem a ser iguais a nós. Beijinhos

  • Cris
    31 Maio, 2018 17:39

    Adorei as tuas respostas… às vezes fica difícil encontrar blogues que abordem variados temas, sejam genuinos e inspiradores. Estive afastada da blogosfera por alguns meses, essencialmente por motivos profissionais, gostei de voltar e de te (re)ler 🙂

    Muitos beijinhos
    Cris

    • Andreia Moita
      1 Junho, 2018 11:43

      Cris, obrigada e ainda bem que estás de volta! Beijinhos

Deixe uma resposta

Responder a Andreia Moita Cancelar resposta