Desafio 1+3 | Qualidades

Desafio 1+3 | Qualidades

Este desafio 1+3 consiste em dizer treze qualidades sobre mim. Na altura pensei “ui”. E deixei para depois. Como sempre faço nas alturas de aperto. Mais tarde vi muitos posts das pessoas que estão a participar e todos, mas todos, falavam acerca da dificuldade que foi escrever qualidades sobre si próprio.

Meti-me a pensar. Mas porque será que todos nós sentimos isto? Temos, no geral, uma extrema dificuldade de falar de nós. Se for para falar mal, tudo bem já tínhamos assunto (e ainda bem porque é bom saber o que temos de menos bom) mas falar das nossas qualidades isso é que é pior. Como se precisássemos que fossem os outros a reconhecer o que há de bom em nós. Não foi nada fácil para mim, mas isto parece que até é um cliché dizer. Comecei a escrever e havia sempre alguma coisa que me dizia “oh não metas essa” ou “ah, não escrevas isso”. E depois ainda guardei o post nos rascunhos alguns dias!

Que fenómeno é este que nos faz achar que dizer bem de nós nos faz ser egoístas, pouco humildes ou convencidos que somos a última coca cola do deserto. A coca-cola faz mal e a última bolacha está partida.

Treze qualidades minhas:

Humor: Esta é a minha principal qualidade e a maior característica da minha personalidade. É a primeira coisa que deixo que as pessoas conheçam sobre mim. Considero-me uma pessoa com muita energia, boa disposição, alegria e humor. Sou divertida e fico feliz quando faço os outros rir.

Sei imitar vozes e tiques: Sou um génio da imitação das vozes e dos tiques das personagens da novela, das apresentadoras da televisão ou das minhas colegas de secretária.

Faço um bom cheesecake e um bom risotto: Não gosto de cozinhar sempre nem tudo. Mas…a receita do doce está aqui e a do salgado está aqui. Bom proveito que isto nunca sobra.

Sou boa a fazer planos: Sou óptima a planificar as viagens que faço. (Adoro a parte da pesquisa e de elaborar o plano antes de partir para qualquer lado). Mas não é só isso. Sou a melhor a inventar planos quando não há nada para fazer.

Tenho muitas ideias: Tantas que até se atrapalham umas às outras. É verdade, eu estou sempre a ter ideias para tudo. Para o blog, para ir passear no fim-de-semana, para o futuro, para mudar o mundo,etc.

Aprendo rápido: Qualquer coisa que seja preciso fazer eu aprendo rápido e faço. Tenho que ter vontade e gosto, mas isso é outra conversa.

Sei trabalhar em equipa: Sempre gostei de trabalhar em conjunto desde os trabalhos de grupo da escola. Acho que é fácil fazer equipa comigo.

Sou organizada: Posso não saber onde meto as coisas e até perdê-las frequentemente, mas sou organizada ao nível de trabalho, de apontar coisas, de planificar, de sublinhar com canetas às cores, fazer mapas e tópicos e listas e essas coisas pirosas.

Sou trabalhadora e dedicada: Sou a melhor pessoa para seguir um projecto em frente. Se me comprometo não falho.

Faço boas surpresas: É preciso uma festa de anos? Uma despedida de solteira? Uma surpresa dos amigos para o casamento? Encher balões, escrever letras de músicas, esconder segredos? Eu faço isso.

Escrevo e leio muito: Considero que isto é sempre uma qualidade numa pessoa porque naturalmente contribui para o seu desenvolvimento intelectual

Sou curiosa: Coisas diferentes, coisas novas, aprender, conhecer. Geralmente tenho interesse sobre tudo e quero saber e experimentar tudo (menos brócolos).

Não me deixo levar: No que respeita a coisas que segundo os meus valores são más, não me deixo levar só porque os outros fazem ou dizem que sou isto e aquilo se não fizer.

Ah, que pena…já acabou…agora que me tinha lembrado de mais cinquenta e três qualidades minhas. Sou mesmo boa pessoa. Nem tenho mau feitio, nunca me falta a paciência, nem sou ciumenta, nem me irrito com nada…oh! Já é para publicar?

[Fotografia da Margarida Pestana]

[Texto inserido no desafio 1+3 da Carolina do Thirteen]

3 Comentários

  • Green
    5 Julho, 2018 12:33

    Gostei imenso do teu post, acho que nunca é fácil escrever sobre as nossas qualidades, mas quando paramos para pensar nisso, acredito que encontramos muitas qualidades mesmo.

  • Alexandra
    14 Julho, 2018 15:11

    É sempre mais fácil falar dos nossos defeitos! 😀 Parabéns pelo blog e pela forma como escreves!

    Beijinhos

    • Andreia Moita
      26 Julho, 2018 10:19

      Por isso é que aceitei o desafio de falar das qualidades. Demorou bem mais tempo do que se fosse sobre defeitos, mas confesso que me soube bem.
      Obrigada pelo teu comentário tão simpático 🙂

Deixe uma resposta