“Eu voava de tapete, você ia de balão…”