melhores jogos de tabuleiro

Fiz uma lista dos melhores jogos de tabuleiro porque uma tarde ou noite de jogos é sempre um bom programa. Bem, para mim é. Venham conhecer os meus preferidos.

Em família uma das coisas que mais fazemos juntos (sem ser comer) é jogar. Não são raras as vezes em que mandamos mensagem no grupo a perguntar “a que é que se joga hoje”. Na praia jogamos muito cartas. Mas em casa optamos muito por jogos de tabuleiro. E por isso decidi fazer uma lista das nossas principais escolhas, que é como quem diz, os nossos preferidos: os melhores jogos de tabuleiro.

Acho que é uma excelente forma de mostrarmos a nossa criatividade, estratégia e inteligência. Além disso é divertido. Rimos muito com este tipo de jogos. Normalmente não nos chateamos porque é provavel que vamos querer jogar no dia seguinte e portanto convém continuarmos amigos.

Melhores jogos de tabuleiro

Cluedo

É o meu top 1. É o jogo que mais jogo em família e que mais gosto de jogar. Basicamente temos uma cena de um crime, personagens e uma arma. Existem cartas com divisões da casa, com pessoas e com armas do crime que são distribuidas pelos jogadores e uma de cada é guardada. Essas guardadas são a solução do crime, uma vez que não estão na mão de nenhum dos jogadores.

O que temos que fazer é descobrir as que estão na mãos dos outros jogadores para ir excluindo. Mas há uma agravante de que apenas podemos ver as cartas do jogador à nossa direita ou esquerda, não me lembro). Então como é que vamos descobrir as cartas dos outros? Perspicácia e estratégia são fundamentais para entender nas entrelinhas quais são as cartas que não podemos ver, ficando atentos aos pedidos que os outros jogadores fazem e registando tudo num papel.

Este é o meu jogo preferido e já jogamos tantas vezes em famila que temos nomes próprios para as personagens porque gostamos de inventar. E também fazemos um bocado batota. Não. Quer dizer. Não é bem batota. É mais as nossas regras privadas que não correspondem bem às do jogo!

Monopólio

Um clássico. Jogamos muito também. Mas confesso que a dada altura me chateia por ser demasiado longo. Prefiro jogar duas ou três vezes cluedo do que passar três horas aqui. Ah, também me chateia quando ninguém quer fazer negócios comigo ou então quando perco e tenho que ficar a ver!

Já joguei várias versões. Com dinheiro, com multibanco, temáticos, mas tenho especial apreço ao tradicional com notas ainda em escudos e a casa do Rossio.

Trivial Pursuit

O Trivial (ou o jogo dos queijinhos) é de cultura geral e também é dos que eu considero dos melhores jogos de tabuleiro. Acho que todos conhecem mas o objetivo é ganhar os queijinhos de todas as cores. Cada cor representa um tema: Artes, Geografia, Desporto, História, Ciências e Entretenimento. 

Tal como os anteriores existem imensas variações temáticas deste jogo entre as quais há um que é sobre o universo Harry Potter que eu adoro mas não tenho remédio se não tirar cartões ao calhas e jogar sozinha. Uma vez misturei as cartas do Harry Potter com as normais para que cada jogador pudesse escolher se queria uma pergunta das normais ou do Harry Potter e assim pude experimentar o jogo. Neste caso as cores dos queijinhos têm os seguintes temas: Artes Negras, Feitiços e Poções, Objetos Mágicos, Pessoas Mágicas e Criaturas e Animais Mágicos.

Party&Co

O Party&Co é muito divertido e dinamico. Perfeito para uma festa ou noite animada. Temos vários cartões composto por categorias temáticas como desenhar ou fazer mímica, além de ter o jogo das palavras proíbidas, sons e ainda as perguntas. Passam-se momentos super divertidos, garanto.

Batalha naval

Olhem adoro jogar batalha naval. E já não jogo há anos! Eu sei que não é propriamente um jogo de tabuleiro e que é um jogo tipo damas ou xadrez, só para dois jogadores, mas como gosto muito decidi incluir e olhem que eu e os meus primos aprendemos a contornar o problema do número dos jogadores.

Então, o que faziamos? Em vez de pegar no jogo em si e usarmos os barcos e pins para marcar o que é água e fogo, usavamos papel e caneta. Somos um bocado antigas. Desenhavamos em papel quadriculado a área de jogo, as letras e os número – e com outra cor desenhavamos na área de jogo os barcos. E depois formavamos uma roda e o A jogava com o B, o B jogava com o C e o C jogava com o A. E por ai em diante. Assim jogavamos todos juntos, à vez. Já tinham pensado nisto ou alguém fazia assim?

Jenga

O jenga só não é um dos melhores jogos de tabuleiro porque não tem nenhum tabuleiro. É apenas um conjunto de pedaços de madeira empilhados uns em cima dos outros no qual devemos ir tirando pedaços e colocar no cimo da torre outra vez. A ideia é não derruba-la e perde quem o fizer. Este é um jogo de nervos e não aconselho jogar com bebida por perto porque enfim, vão derrubar a torre mais rápido, acho que percebem a ideia.

 

Os melhores jogos de tabuleiro são aqueles que nos divertem. Estes a mim fazem-me passar bons momentos. Conhecem estes jogos? Costumam jogar? Visto que sou fã deste tipo de jogo, têm sugestões para mim? Quais são os vossos jogos preferidos?